Cotação do café atinge o menor patamar em 9 anos
Publicado em 04/08/2018

Os preços do café arábica voltam a cair na Bolsa de Nova York na tarde desta quinta-feira, dia 2. A cotação atingiu o patamar mais baixo em 9 anos, com o contrato de setembro fechando a sessão com queda de 1,2%, a 106,70 centavos de dólar por libra-peso.

Segundo a consultoria Safras & Mercado, o valor do produto foi pressionado por fundamentos baixistas. Isso porque existe certa tranquilidade em relação ao abastecimento global do café, com uma expectativa de safra recorde no Brasil. Além disso, o clima está favorável ao andamento da colheita e este fato vai confirmando uma produção histórica.

A previsão de chuva na próxima semana para o cinturão cafeeiro também atua como fator negativo aos preços. A leitura do mercado é que o clima pode até atrapalhar os trabalhos de campo neste momento, mas é favorável à produção da próxima safra.

No cenário internacional, a projeção de boa safra em países como o Vietnã e a Colômbia também influenciaram as cotações na Bolsa de NY. No geral, a estimativa é de comodidade em relação à oferta e isso pesa sobre os preços.


Fonte: Canal Rural.



Postado por: Andrio Antunes
Fotos: Ilustrativa